Harley Davidson Iron 883

Melhores motos: veja quais são os modelos mais interessantes

As melhores motos não podem deixar de chamar a atenção de todos os amantes da velocidade, sobretudo em tempos de incertezas econômicas e grandes turbulências.

A paixão por estes veículos, articulada à emoção de pilotar um deles, faz com que as motocicletas sejam a preferência de muitas pessoas.

Nesse sentido, para tomar uma decisão de compra bem-informada, é necessário considerar tanto a utilização que dará à moto quanto o estilo de vida que adota em seu cotidiano.

Dada a ampla variedade propiciada pelo mercado, realizar uma pesquisa qualificada é a melhor forma de evitar equívocos ao selecionar o seu modelo.

Pensando nisso, então, apresentaremos algumas das características das melhores motos. Boa leitura!

As melhores motos para comprar

Yamaha Factor: moto de excelente custo benefício

Yamaha Factor
Fonte: Webmotors

A Yamaha Factor é considerada uma das motocicletas mais completas em sua categoria, atendendo completamente ao quesito custo benefício, independentemente da cidade.

Dentre os aspectos que mais atraem os motociclistas destacam-se, por exemplo, a autonomia (o tanque comporta quase 16 litros de combustível) e o torque.

Ademais, os modelos fabricados a partir de 2019 trazem a tecnologia exclusiva “Yamaha Blue Flex”, bem como partida elétrica e injeção eletrônica.

O conforto e a segurança da pilotagem são garantidos pelo sistema UBS de freios, aliando design a uma qualidade superior.

A moto conta, ainda, com painel digital dotado de iluminação branca em LED, possibilitando o controle de todos os dados que o motociclista necessita para trafegar – o que inclui o modo de pilotar mais econômico.

Na atualidade, o modelo pode ser adquirido a partir de R$ 13 mil.

Kawasaki Versys

Kawasaki Versys
Fonte: Green Point Kawasaki

A base da Kawasaki Versys é, justamente, a versatilidade. Quer você esteja navegando por quilômetros de rodovias ou enfrentando as ruas da cidade, a moto assegurará o máximo conforto.

Entre as suas características principais, vale a pena mencionar:

  • Ajuste sem ferramentas e para-brisas com sessenta milímetros;
  • Posição de pilotagem ereta e esguia;
  • Motor compacto, com 2 cilindros paralelos de 649 CC.

O motor da Kawasaki Versys tem ajustes precisos para oferecer aceleração rápida e potência, sobretudo na faixa de média a baixa rotação.

A sua suspensão (longo curso) é combinada com rodas de dezessete polegadas, oferecendo um excelente manuseio nas mais variadas condições das estradas.

Seu preço? Um pouco salgado: a partir de R$ 29 mil.

Honda XRE

Honda XRE
Fonte: Motor1

Altamente recomendável para aventuras tanto dentro quanto fora das cidades, a Honda XRE pode ser descrita por uma única palavra: versatilidade.

Com efeito, os seus 16 cavalos de potência e o sistema de partida elétrica faz com que a motocicleta seja extremamente leve – proporcionalmente à sua performance.

A tecnologia ABS está presente no freio dianteiro (similar ao da Fazer 250), assegurando a distância ideal do solo, elemento formidável para cidades que, infelizmente, possuem muitas valetas e buracos.

Indivíduos de menor estatura, porém, terão alguma dificuldade em apoiar ambos os pés no chão, prejudicando a estabilidade do veículo nas paradas.

Caso goste de aproveitar a natureza e necessita realizar pequenas viagens, a Honda XRE é, com certeza, uma ótima escolha.

Afinal, a moto big trail apresenta carenagem lateral com robustez, volumes e linhas precisas, garantindo que sua aventura ocorra com o nível máximo de segurança.

O veículo pode ser adquirido, de acordo com a fabricante, a partir de R$ 16 mil.

Honda Pop 110i

Honda Pop 110i
Fonte: Autoesporte

Originalmente lançada em 2007, a Honda Pop 110i é, na atualidade, um dos modelos mais acessíveis entre os comercializados pela montadora japonesa.

Com efeito, ela foi a 4ª motocicleta mais vendida no Brasil no ano de 2019, ficando atrás somente (entre as Cub) da Honda Biz.

A Honda efetuou uma atualização recente na Pop 110i, com alterações na injeção eletrônica que asseguram um alto nível de rendimento com o menor consumo possível de combustível. Além disso, os novos modelos também são mais resistentes e seguros.

Em termos de visual, o grande destaque fica por conta do design do banco, que manteve a sua textura exclusiva (disponível na clássica cor vermelha e, também, na cor preta).

Com certeza, quem conduzir uma Honda Pop 110i nunca mais desejará andar em transporte público.

Como resultado, a Honda Pop 110i oferece um assento mais confortável, aliando funcionalidade e estilo.

O seu painel merece atenção, pois proporciona luzes indicadoras, a fim de facilitar a visualização da condição de reserva do combustível.

Quanto à segurança, a motocicleta possui um inovador sistema de freios Combined Brake System (CBS), com a frenagem distribuída equilibradamente nas duas rodas.

Ademais, o conjunto óptico é mais robusto entre as motos da Honda, com piscas melhores e uma moderna lanterna traseira, elevando o nível de visibilidade durante a noite.

É possível encontrar a Pop 110i à venda a partir de R$ 6 mil.

Versys X 300

Versys X 300
Fonte: Motociclismo Online

Alimentada por um motor com dois cilindros paralelos (296 CC), a Versys X 300 apresenta uma suspensão (longo curso) e rodas raiadas, consolidando-se como um veículo completo para quaisquer horas e quaisquer tipos de estrada.

Certamente, o veículo oferece um alto nível de satisfação aos condutores e de confiança – seja qual for a situação.

Os seus destaques centrais são:

  • Posição ereta de pilotagem;
  • Suspensão em longo curso;
  • Motor potente de dois cilindros paralelos com refrigeração líquida.

As rodas raiadas estão presentes na traseira e na dianteira (17’’ e 19’’, respectivamente) que, além de duráveis e leves, também são estilosas.

Tanto para grandes rodovias quanto para estradas rurais, a Versys X 300 é uma moto fácil de manobrar e bastante leve. Essas qualidades a tornam perfeita para quase todos os locais.

O assento – com design cônico e baixa altura – assegura um alcance facilitado para os pés atingirem o solo durante as paradas, aumentando a confiança e o conforto dos motociclistas.

Em termos práticos, os assentos confortáveis elevam o prazer da condução para os pilotos e seus passageiros nas motos.

Cumpre ressaltar, também, a existência de baús laterais robustos, com capacidade para dezessete litros cada e formato quadrado.

Eles utilizam o sistema chamado “Kawasaki One Key”, possibilitando que os condutores utilizem as chaves de ignição para o destravamento da motocicleta.

Atualmente, é possível comprar essa moto a partir de R$ 33 mil.

Harley Davidson Iron 883

Harley Davidson Iron 883
Fonte: Motos 2021

Todo amante da velocidade em duas rodas já desejou ter, pelo menos, um modelo da célebre marca Harley Davidson na sua garagem. O modelo Iron 883, nesse contexto, é um dos mais cobiçados.

De fato, o veículo é uma bela representação do conceito de motocicletas clássicas. No entanto, mescla desempenho, conforto, elegância e alta tecnologia.

Todas as modificações na Harley Davidson Iron 883 causam bastante furor nos condutores.

Trata-se, pois, de melhorias importantes, principalmente na tecnologia da motocicleta. Em termos práticos, é uma versão otimizada daquilo que os motociclistas já conhecem da marca, partindo das versões anteriores que se encontram no mercado.

Dito de outra forma, a Harley Davidson Iron 833 é a motocicleta perfeita para trafegar em ambientes urbanos, com o característico ronco do motor V Twin e o estilo icônico e consagrado da montadora.

A potência é considerada de peso médio (em relação a outras motos de sua categoria), sendo articulada a uma dirigibilidade de alta precisão. Não esqueça que o motor V Twin da Harley Davidson Iron 833 é refrigerado a ar e de 883 cm³.

O estilo autêntico e peculiar da Harley Davidson está presente em todos os detalhes da máquina, esbanjando força. O motor conta com suportes emborrachados para oferecer leveza e força por milhares de quilômetros.

O motociclista, portanto, apenas deve se preocupar em usufruir da liberdade das ruas e avenidas. Mas, para isso, precisará desembolsar um valor considerável: a partir de R$ 40 mil.

Ninjinha 300

Ninjinha 300
Fonte: Kawasaki M3 Parts

Quando se trata de design, tecnologia e desempenho, a Ninjinha 300 representa o que de melhor a Kawasaki pode oferecer: um motor cilíndrico (296 CC) com torque e potência que se destacam em comparação às demais motocicletas da categoria.

O veículo, que atualmente pode ser encontrado a partir de R$ 16 mil, promove a implementação de recursos como uma embreagem deslizante e assistida que, nos modelos com outra cilindrada, só estava disponível nos modelos superesportivos e de competição.

A Ninjinha 300 fabricada a partir de 2017 ganhou um visual novo, com seções retroiluminadas e grafismo moderno, que tornam mais fácil a leitura dos instrumentos durante a pilotagem noturna.

O motor (4 tempos e refrigeração líquida) entrega alta potência e torque em médias e baixas rotações, bem como uma poderosa aceleração em altas rotações.

Cilindros de alumínio (dotados de camisas galvanizadas), pistões, escapamento e cabeçote colaboraram para um desempenho incrível, fazendo da Ninjinha 300 uma das melhores motos do mercado.

Os discos de freio (dianteiro e traseiro) têm formato de margarida, trazendo paradas fortes e uma dissipação mais eficiente de calor.

Para conduções mais seguras, há 2 edições especiais da Ninjinha 300 que vêm com freios ABS de série.

BMW G 310 GS

BMW G 310 GS
Fonte: Motociclismo Online

Versátil e robusta, a BMW G 310 GS tem um visual que demonstra o famoso espírito da marca, de modo que ela não passa despercebida, independentemente do trajeto.

A motocicleta está disponível, no mercado, em 3 novas e cativantes cores: branca, Rallye e 40 anos GS.

A moto atrai a atenção do público pelo conforto, design e por propiciar uma experiência excelente de pilotagem.

Além disso, a performance do motor monocilíndrico impressiona, caracterizando-se por uma rotação de cento e oitenta graus (cabeça do cilindro) com inclinação posterior.

Estes elementos entregam um centro de gravidade baixo à motocicleta que, assim, transfere o peso diretamente para a sua roda da frente, permitindo à BMW G 310 GS a realização de curvas com grande precisão e facilidade.

Os motociclistas encontrarão toda a qualidade e tecnologia BMW Motorrad, principalmente, na especial arquitetura do motor, que assegura consumos reduzidos de combustível.

Portanto, a BMW G310 GS, com 34 cavalos de potência em 9.250 RPM e uma capacidade da ordem de 313 cm³, oferece a aceleração e a potência que você necessita para superar qualquer tipo de terreno ou desafio.

Toda essa tecnologia sai a partir de R$ 36 mil.

KTM 390 Duke

KTM 390 Duke
Fonte: KTM Sacramento

Andar pelas ruas com a motocicleta KTM 390 Duke será ainda mais emocionante. Isto é, você pode explorar novos caminhos ao pilotar essa Corner Rocket, experimentando a melhor tecnologia de sua categoria.

O veículo possui condução ágil, alta potência e leveza, estando equipado com todos os elementos necessários para viver com adrenalina nas estradas ou nas cidades.

Desse modo, se você está buscando potência máxima em uma motocicleta Naked, certamente ela será a sua companhia ideal em cada curva.

A KTM 390 Duke está equipada com motor monocilíndrico, seu desempenho é formidável e entrega praticidade para o seu dia a dia, assim como uma aceleração frenética por meio de 32 kW.

A motocicleta, que atualmente custa a partir de R$ 16 mil, foi desenvolvida a partir de um chassi considerado de última geração, bem como elementos que fazem da KTM 390 Duke a escolha perfeita para realizar muitas curvas.

O seu quadro leve de treliça, os garfos invertidos ultraleves e a concentração do peso próximo ao centro gravitacional estão entre as características que asseguram uma moto de excelente performance em quaisquer situações.

Honda X ADV

Honda X ADV
Fonte: Motor1

O visual diferenciado da Honda X ADV faz com que ela seja uma espécie de “SUV em 2 rodas”.

Modificada inteligentemente, essa maxi-scooter reúne conforto, praticidade e aventura, deixando o motociclista pronto para quaisquer jornadas e tipos de terreno.

Além de assegurar mais economia e melhor visibilidade, a iluminação da Honda X ADV é em Full LED, remetendo à tecnologia, modernidade e sofisticação. O design futurista de seu farol, por exemplo, reforça o conceito inovador da motocicleta.

Com cinco opções distintas de ajuste do para-brisa, o condutor pode selecionar a posição mais adequada para a pilotagem, assegurando proteção contra as condições atmosféricas adversas e os ventos fortes.

A Honda X ADV, em adição ao tradicional posicionamento dos pés, oferece a alternativa de estender as pernas, apoiando-as na continuidade da plataforma, a fim de pilotar de um modo bem relaxado.

Outro fator que inspira confiança pode ser encontrado nos freios ABX, que propiciam altos níveis de precisão nas frenagens, pois, seja qual for o terreno, as rodas não travam.

Essa inovação leva mais estabilidade, equilíbrio e conforto aos motociclistas.

Seu preço médio gira em torno de R$ 17 mil.

Tornado 250

Tornado 250
Fonte: Motorede

Essa motocicleta é muito balanceada, o que a torna ideal para circular em ambientes rurais e urbanos do Brasil.

O sistema responsável pela suspensão da Tornado 250 é diretamente derivado das motocross da fabricante, adotando o conjunto traseiro regulável e monoamortecido Pro Link, com 224 milímetros de curso.

Por sua vez, a dianteira conta com bengalas dotadas de tubos com 245 mm de curso e 41 mm de diâmetro. O aspecto mais interessante dessa suspensão, porém, consiste no comportamento fora de estrada.

Os motociclistas que a testam, via de regra, se surpreendem positivamente com o excelente trabalho da suspensão, a eficácia dos pneus de utilização mista (embora menos on road do que off road) Metzeler Enduro Sahara 3.

Esses pneus, nos usos estradeiros, se mostram exageradamente barulhentos.

Todavia, não há muito o que possa ser feito nesse caso: para serem eficientes na terra, eles necessitam ter sulcos profundos e largos – os causadores dos ruídos.

Assim, um dos diferenciais da Tornado 250 – que custa a partir de R$ 9 mil -, além do controle de tração, é seu câmbio de 6 marchas, que opera como se a 6ª marcha fosse um tipo de “overdrive”.

Isto é, além de manter a rotação do motor em baixa enquanto a motocicleta se encontra na última marcha, contribui significativamente para reduzir o consumo de combustíveis.

Honda Gold Wing

Honda Gold Wing
Fonte: Revista Moto Adventure

A Honda Gold Wing é simplesmente incomparável – e seu preço também, como você verá mais à frente.

Nesse modelo, os limites do desempenho foram redefinidos, propiciando uma nova alternativa para as motos touring.

Delineada para ser mais leve, compacta e avançada tecnologicamente, a Honda Gold Wing abre o portal de uma nova era de pilotagem, a partir de diversos aprimoramentos em sua performance e conforto.

O sistema de admissão possibilita respostas mais precisas e rápidas, bem como uma economia de cerca de 20% de combustíveis em comparação com outros veículos de sua categoria.

Apesar de ser mais leve e, portanto, fácil de pilotar, a Honda Gold Wing possui o tanque de combustível bem menor, mantendo a autonomia.

O escapamento, completamente novo, sofreu uma redução em seu diâmetro de saída (em 2 dos 6 cilindros).

Um verdadeiro sonho, não é mesmo?

Agora, prepare-se: esse sonho só pode ser realizado se você tiver cerca de R$ 132 mil para investir. Ou seja, uma das melhores motos, mas também uma das mais caras.