Motor CHT

Motor CHT: Vale a Pena? Vantagens e Desvantagens

Entre os diversos motores da Ford do Brasil, o motor CHT gera dúvidas quanto à eficiência e qualidade. Será que esse modelo vale a pena? Conhecer as vantagens e desvantagens vai ajudar você a responder essa questão.

Por isso, a partir de agora você vai descobrir as principais características e informações do motor CHT e entender o porquê ele provoca polêmica entre os adoradores de veículos!

Conheça o motor CHT

Motor CHT
Fonte: Quatro Rodas

O motor CHT (Compound High Turbulence) foi criado pela Ford na década de 1980, depois de comprar a Willys Overland/Renault, criadora do modelo Renault Dauphine, que tinha o projeto inicial desse motor.

Ele conta com 4 cilindros e é de câmara de combustão interna. Além disso, ele integrou vários modelos de quatro rodas lançados no país, como Ford Verona, Ford Corcel, Ford Del Rey e VW Gol.

O motor funciona com álcool e gasolina, tem bom preço e conta com 1555 cm³, 77 mm de diâmetro nos cilindros e pistões de 83,5 mm, bem como projeto de injeção eletrônica.

Ele pode ser comparado com o motor AE da Ford e evoluiu do motor Renault Sierra da montadora francesa, recebendo modificação no cabeçote para aumentar a geração de turbulência na mistura do combustível com ar.

Quais são as vantagens do motor CHT?

As vantagens são as mais diversas, pois esse modelo do grupo Ford do Brasil conta com bons resultados e podemos elencar muitas características positivas.

Alta economia

Entre as vantagens da compra, uma das principais é a alta economia de combustível, o que é um ponto positivo muito apontado quando o assunto é esse modelo de motor.

Entre as dúvidas dos consumidores, a questão da economia está sempre no topo, pois é comum desejar manter o automóvel com um custo mais baixo, tanto em termos de combustível, quanto de manutenção.

Na versão melhorada que teve em 1992, o veículo conseguia rodar 17,1 km com apenas 1 litro de gasolina. Sendo assim, essa versão se destacou como a mais econômica do Brasil, entre os produtos da época.

Ruído baixo

Além disso, o perfil de suavidade e ruído baixo também estão entre as vantagens.

Os sons que o motorista escuta no funcionamento do motor são menores que em outros modelos, e isso agrada muitas pessoas.

Correia dentada

Mais uma vantagem que pode ser apontada é o fato de não ter correia dentada feita em borracha para o acionar o comando de válvulas.

Isso existia em outros modelos da marca e costumava causar problemas de danos e necessidade de constante manutenção.

Sendo assim, sempre que uma peça problemática é substituída ou melhorada, é motivo de comemoração e deve ser um fato ressaltado para conferir o devido reconhecimento à fabricante, enaltecendo a melhoria realizada.

Baixa manutenção

Ademais, os carros com esse motor oferecem baixa manutenção, um grande benefício em termos de economia. Quem tem ou teve um CHT, geralmente refere que precisou ir poucas vezes à oficina mecânica.

Trata-se de algo extremamente positivo no setor de veículos, pois existem modelos que sabidamente apresentam diversos tipos de problemas e necessitam de manutenção frequente.

Durabilidade

Ainda, há a questão da durabilidade, pois a vida útil costuma ser longa em comparação a modelos mais recentes.

Nesse sentido, isso pode acontecer justamente pelo que mencionamos acima em relação à baixa manutenção.

Quanto menos necessidade de manutenção, significa que as peças e o projeto são de qualidade e, o motor, feito para durar por bastante tempo. Assim, é um investimento que pode durar muitos anos.

Quais são as desvantagens?

Em relação às desvantagens, também há algumas considerações a serem feitas. Afinal, todo produto lançado no mercado conta com pontos altos e baixos.

Baixo desempenho

Uma das principais que gera dor de cabeça e mais mencionadas por usuários é o baixo desempenho. Em situações que exigem maior força do carro, esse motor não tem a melhor resposta possível.

Sendo assim, na estrada, por exemplo, o desempenho pode deixar a desejar em situações em que seja preciso pisar fundo no acelerador para fazer uma ultrapassagem em uma subida.

Desgaste

Outra desvantagem: o desgaste fácil da engrenagem do comando de válvulas, que era feita de fibra. Ainda, outras peças necessitam de maior manutenção, como no caso da bomba de óleo de baixa durabilidade.

Além disso, a bomba de água também deixa a desejar no quesito durabilidade e manutenção.

Sistema de arrefecimento

Mais uma desvantagem significativa é o fato de que o motor CHT conta com sistema de arrefecimento que não é muito eficiente. Com isso, muitas vezes acontece fervura e o motorista percebe o motor fumaçando.

Maior consumo de etanol

Ademais, como pode funcionar com etanol, nesses casos o motor tem geração maior de energia, o que fica em torno de 10% a mais em comparação ao uso de gasolina.

Inclusive, isso significa que, no uso de etanol, o consumo – que até então era mais econômico – passa a resultar em um aumento de mais ou menos 25%.

Considerações finais

Motor CHT
Fonte: Autoentusiastas

Agora você já sabe se o CHT vale a pena ou não. A resposta para essa pergunta vai depender do tipo de uso que você deseja dar ao motor e da expectativa que possui em relação ao veículo.

Se a intenção é ter maior economia de combustível, a versão à gasolina pode sim valer muito a pena. No entanto, se você preza mais por potência e capacidade, ele pode não ser a melhor escolha.

Até porque, sendo um motor antigo, é possível encontrar diversas outras opções que tenham tecnologia superior para você escolher colocar no seu carro. Nesse sentido, esse foi um dos motivos da versão ter sido descontinuada.

O projeto se tornou obsoleto e outras fabricantes desenvolveram novos motores, enquanto a Ford do Brasil ainda estava investindo em modelos como esse.

Isso significou uma estação para a própria empresa, que teve que abrir mão do projeto e ir adiante.

Dentro disso, uma coisa é certa: ser antigo não é sinônimo de ser ruim. Inclusive, foi um dos motores de maior sucesso da fabricante e não é por menos que esteve em alta no mercado por cerca de 30 anos.

Portanto, analise as vantagens e desvantagens elencadas e verifique se o motor CHT é condizente com aquilo que você espera e deseja ter no seu carro para saber se realmente vale a pena.