Ducati

Marcas de Motos: Conheça as Principais e Mais Vendidas

Entre tantas marcas de motos vendidas no Brasil e exportadas para o resto do mundo, quais delas são as principais quando se fala em motocicleta?

Certamente você pensou na Honda, Yamaha ou Harley Davidson, correto?

Não está errado, não. Essas são as marcas de motos mais famosas que fizeram – e ainda fazem – muito sucesso por aqui.

Mas, você sabia que muitas motos foram fabricadas no Brasil e que também deixaram suas marcas?

Pois no post de hoje, o Review Auto vai trazer uma lista de marcas de motocicletas mais vendidas, sejam elas no formato scooter, clássica, off road, street ou esportiva.

Ah, e como bônus, você vai conhecer as marcas brasileiras de motos – algumas delas, inclusive, saíram de circulação. Acompanhe!

Quais as principais e mais vendidas marcas de motos do Brasil?

Uma coisa é certa: o Brasil é o maior consumidor de motos da América Latina. Além de alimentar o mercado brasileiro, as motos também são exportadas para vários países, como África do Sul e Estados Unidos.

Não à toa que temos um vasto número de motocicletas, com motores de baixa e alta cilindrada, do tipo scooter, touring, street ou off road, e de diferentes designs para gostos variados.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa. Veja a lista de 11 marcas de motos mais vendidas do Brasil, + bônus!

1. Avelloz, uma das motocicletas mais vendidas em 2020

Avelloz
Fonte: Grupo Michelin Botucatu

Ultrapassando a marca de vendas da Yamaha, a Avelloz Motos surpreende o mercado e emplaca o primeiro lugar do nosso guia de marcas de motos mais vendidas.

Só em 2020, o modelo AZ1 da Avelloz alcançou quase 1.700 unidades vendidas, ficando à frente não só da Yamaha MT 09 como também da Kawazaki Z 400.

Lançada em 2008 pela Valoriza Serviços Financeiros, a ideia era oferecer motos mais baratas e ser uma solução para mobilidade urbana.

Mas não ficou apenas nas motos: na última década, a empresa resolveu inovar e passou a vender carros elétricos também.

Ademais, essa moto AZ1 da montadora Avelloz tem motor de baixa cilindrada e de pilotagem cub e street.

-> Conferir o site oficial da marca.

2. Honda, famosa moto entre os campeões de venda no Brasil

Honda
Fonte: Motor1

Em 2021, no auge da pandemia da Covid-19, alguns modelos de motocicletas da Honda alcançaram o topo das mais vendidas do Brasil.

Entre eles, a moto CG 160, com 315.141 unidades vendidas, além da famosinha Honda Biz, a trail urbana NXR 160 Bros, o mais econômico Pop 110i e o street CB 250F Twister.

Todas essas motos da marca Honda conseguiram a façanha de entrarem juntas no ranking de campeões de venda no Brasil.

Elas podem ser encontradas nos motores de alta, média e baixa cilindrada e em vários estilos para agradar diferentes públicos do mercado automobilístico.

-> Conferir o site oficial da marca.

3. Yamaha, a primeira moto nacional a gente não esquece

Yamaha
Fonte: Motor1

Em 1974, a empresa Yamaha se estabeleceu no país com o modelo RD 50, produzido em Guarulhos, São Paulo, para logo depois migrar para o Polo Industrial de Manaus.

Em alguns anos, modelos como o RD 350 e o XT 600Z Ténéré ganharam o coração dos motoqueiros e se tornaram objeto de desejo para muitos outros.

Assim, em nosso ranking, a marca japonesa aparece como uma das mais vendidas por conta dos seus modelos XTZ 150 Crosser (ideal para estradas difíceis e chão de terra, apresentado no Salão Duas Rodas), YBR 150 Factor (a moto de melhor custo-benefício da marca), e a naked de 250cc da Fazer 250 ABS (a mais vendida da montadora em 2020).

-> Conferir o site oficial da marca.

4. Harley Davidson

Harley Davidson
Fonte: Motor1

Inaugurada no Brasil em 2012, a empresa montadora Harley Davidson já era sucesso, inclusive, pelas mãos de astros como Elvis Presley.

A queridinha marca norte-americana, durante 6 anos, fazia extremo sucesso no Brasil com o Sportster Iron 883 e a razão é bem simples: a sua linha de produtos era bastante acessível ao mercado brasileiro.

“Era”, porque o Sportster saiu de linha em 2021, ainda mais que a pandemia fez o número de vendas despencar consideravelmente.

Por outro lado, ainda existe o segundo colocado em motos mais vendidas da marca e que continuou superando as expectativas em 2020: a Softail Fat Boy.

Para ter ideia da fama da marca Harley Davidson, a moto Softail Fat Boy ganhou fama internacional ao ser pilotada por Arnold Schwarzenegger no filme “O Exterminador do Futuro 2”.

Não surpreende estar em nosso ranking das marcas de motos mais vendidas no Brasil!

-> Conferir o site oficial da marca.

5. BMW Motorrad

BMW Motorrad
Fonte: Mobilidade Estadão

Quem nunca ouviu falar de uma das montadoras mais famosas do mundo? A BMW está presente tanto em veículos de duas rodas quanto nas de quatro rodas e já produziu mais de 70 mil motos. Não é pouca coisa, não.

O destaque vai para as duas motos BMW: a mais barata G 310 R, custando por volta de R$ 34.990, e a mais cara, porém a mais vendida da marca, a BMW R 1250 GS, que custa R$ 109.950.

É um preço mais salgado do que um carro da Chevrolet Onix 1.0 Turbo (R$ 78.490,00) e o Hyundai HB20 (R$ 66.690,00), no entanto, não deixou de ser o mais vendido por isso.

-> Conferir o site oficial da marca.

6. Kawasaki

Kawasaki
Fonte: Motociclismo Online

Quem vê as motocicletas da Kawasaki, não vê que sua história nem começou no segmento de motos.

Durante o século XIX, a futura montadora de motocicletas iniciou sua trajetória na construção de navios de aço transoceânicos.

Com o passar do tempo, a empresa ainda desenvolvia produtos para siderúrgica, naval e aviação, até lançar suas primeiras motos em 1961.

Mas foi em 2008 que a Kawasaki se firmou de vez no Brasil, com uma subsidiária da matriz e uma linha de montagem em Manaus.

Na bagagem, a montadora do Japão trouxe os modelos naked, sport, adventure, off road e custom. Inclusive, sua boa reputação foi graças à linha off road.

O destaque aqui vai para a família Ninja, como a ZX-10R, uma superesportiva em torno de R$ 102.396.

Mas se você espera por um valor mais em conta, tem a Kawasaki Ninja 400 custando menos de R$ 32 mil, sendo também uma das esportivas mais vendidas dessa marca de motos.

-> Conferir o site oficial da marca.

7. Royal Enfield

Royal Enfield
Fonte: UsadosBR

Assim como a montadora acima, a Royal Enfield também iniciou sua trajetória no século XIX, produzindo motos para uso civil e ajudando a abastecer os exércitos.

Nascida na Inglaterra, a marca de motos acabou sendo administrada por um grupo indiano, e a partir de 2017 passou a exportar motos para o Brasil, como os modelos Continental GT, Interceptor, Himalayan e Meteor 350.

A propósito, as motocicletas da Royal Enfield são vendidas com motor na média cilindrada, com pilotagem do tipo clássica e adventure.

É mais uma das principais marcas de motos mais vendidas do Brasil e que merecem atenção.

-> Conferir o site oficial da marca.

8. Suzuki

Suzuki
Fonte: Motociclismo Online

Você sabia que antes de ser uma das maiores fabricantes de motos do mundo, a Suzuki já foi uma fábrica de teares? Sim, ela é mais uma fabricante de motos que nasceu sem o intuito de fabricar motos.

A inusitada história de Michio Suzuki começou em 1920 e sua empresa de máquinas de tear sobreviveu à 2ª Guerra Mundial e ao pós-Guerra, mas não à crise do algodão nos anos 50.

Por conta disso, Michio Suzuki, que precisava se reinventar, criou a Power Free, a primeira moto de baixo custo no Japão.

Isso foi apenas o pontapé inicial para lançamentos icônicos, como a T500 e a geração GS. Aqui no Brasil, a Suzuki conquistou seu espaço e trouxe versões naked, custom, sport e adventure.

-> Conferir o site oficial da marca.

9. Ducati

Ducati
Fonte: Ducati Campinas

Referência em design e desempenho, a marca de motos italiana Ducati chegou ao mercado brasileiro em 2013 trazendo seu clássico tom de vermelho.

Entre as motos mais vendidas, estão a supernaked Streetfighter V4, Ducati Scrambler 800 e a Multistrada V4, sendo esta última a mais vendida da marca em 2021, com 9.957 emplacamentos.

O próximo lançamento da Ducati no país promete ser a Panigale atualizada, com 215 cv (apenas 1,5 a mais da anterior) e 13.000 rpm.

A ideia é tornar essa moto ainda mais potente e veloz para, quem sabe, quebrar o recorde de vendas de seus modelos já conceituados.

-> Conferir o site oficial da marca.

10. Triumph

Triumph
Fonte: Triumphmotorcycle

A marca de moto Triumph pode ter inaugurado sua fábrica no país em 2012, mas ela é uma das mais antigas fabricantes de motos, lançada em 1902 no Reino Unido.

Ficou bastante famosa ao aparecer no cinema, sendo pilotada pelos atores Marlon Brando e Anthony McQueen, e já montou mais de 30 mil motos em mais de 20 modelos.

-> Conferir o site oficial da marca.

11. Shineray

Shineray
Fonte: Motor1

Terminando nosso ranking de marcas de motos mais vendidas está a “cinquentinha” Shineray e sua XY-50 com motor de baixa cilindrada, a mais vendida em 2021.

Ela figura com 9.530 unidades emplacadas neste início de década, um pouco abaixo apenas da Avelloz AZ1.

Em julho de 2021, inclusive, segundo a fonte de notícias do UOL, a Shineray conseguiu tomar a posição da BMW e chegou ao 3º lugar de marcas de motos mais vendidas no período.

É uma boa ideia considerá-la, visto que os preços da 50cc variam entre R$ 3.400,00 a R$ 5.100,00.

Essas foram as 10 marcas de motos que lideraram as vendas nos últimos tempos, sendo que Honda e Yamaha disputam arduamente as melhores posições do ranking.

Mas, pensa que acabou?

Prometemos e aqui vamos mostrar as marcas brasileiras de motos que são – ou foram – as mais vendidas no país. Veja só!

-> Conferir o site oficial da marca.

Bônus: marcas de motos nacionais mais vendidas no Brasil

Até aqui trouxemos marcas estrangeiras de motocicletas que se firmaram no mercado brasileiro ou que exportam para cá, como é o caso da Royal Enfield.

Contudo, nós também temos motos totalmente nacionais e que estão ou já estiveram em destaque como campeões de venda. Confira a seguir!

Dafra

Dafra
Fonte: Revista De Automóvel

Criada em 2007 pelo Grupo Itavema – uma das maiores concessionárias da América Latina e que já criou motocicletas da BMW e KTM –, a Dafra é uma das melhores e mais vendidas marcas de motos do país.

Um de seus modelos, o Dafra Cruisym 150, possui configurações que estão aquém em relação aos rivais.

Por exemplo, os faróis são halógenos e a chave é convencional, diferente das concorrentes que trazem faróis de LED e a chave é presencial.

Ainda assim, é uma das scooters do Dafra mais vendidas do país, junto da Citycom 300i, considerada pela marca um grande case de sucesso.

Kasinski

Kasinski
Fonte: Rodolfinho da Z (Youtube)

Em 1999, o ex-dono da fábrica COFAP, o empresário Abraham Kasinsky, fundou a marca que leva seu nome, importando motos Hyosung, da Coreia do Sul.

Com o passar do tempo, os modelos esportivos começaram a ganhar espaço por serem de baixo custo, mas 10 anos depois a marca foi vendida para a chinesa Zongshe, tendo Claudio Rosa como sócio.

No entanto, com a saída da chinesa da sociedade, Claudio Rosa se esforçou para seguir com a marca, mas não teve jeito: a marca de motos brasileira Kasinski deixou o país em 2014.

Agrale

Fundada no Rio Grande do Sul, a marca brasileira Agrale chegou a vender mais de 400 mil motocicletas e scooters nos anos 80.

Entre elas, a Agrale SXT, de uso misto, a Agrale Elefant, Dakar e Agrale Elefantré, que se parecem com a Ténéré, em seus primeiros modelos. E também tem a Agrale Explorer, muito usada em trilhas.

Sundown

Nos anos 2000, a B&M (Brasil & Movimento S.A) passou a vender motocicletas e bicicletas sob a marca Sundown Motors no país.

Em pouco tempo, a montadora brasileira se tornou a terceira marca mais vendida do Brasil, com motocicletas de pequeno porte e mais baratas.

Havia, até então, 10 modelos de Sundown variando entre 90cc a 250cc, mas a empresa não resistiu à crise econômica de 2011 nem às divergências com fornecedores internacionais, encerrando suas atividades no país.

Voltz Motors

Voltz Motors
Fonte: Notícias Automotivas

Criada por uma startup brasileira em 2017, a Voltz Motors é mais uma marca de motos feita totalmente no país.

Seu foco de produção é em veículos elétricos e seu aporte está na casa dos R$ 100 milhões para produzir 25 vezes mais motocicletas.

No momento, a Voltz oferece os modelos EVI e o TVS.

Essas foram as marcas de motos totalmente do nosso país que conquistaram suas posições de vendas e o coração dos fãs.

Qual das marcas de motos mais vendidas no Brasil neste guia é a sua favorita?

Honda, Yamaha, Avelloz – essas motocicletas lideram o ranking de marcas de motos campeãs de vendas no Brasil.

Pensa em ter uma delas, mas ainda precisa de mais informações? Segue então um dos nossos artigos que o Review Auto preparou para você: melhores motos mais interessantes.