loader image

O Que é um Carro Completo? Entenda o Conceito Aqui

O que é um carro completo para você? Para muitos, é um veículo com todos os opcionais.

Mas o que a legislação de trânsito brasileira diz sobre isso? Quais os itens obrigatórios para um carro ser completo? Confira as respostas a seguir!

O que é um carro completo?

De acordo com o Contran, um carro completo é aquele que possui todos os itens de série, ou seja, que tem os equipamentos e acessórios de fábrica, que são padrão daquele veículo.

Por isso, dois carros completos podem ser bastante diferentes.

Dependendo do veículo, ele pode ser considerado completo se tiver vidros e travas elétricas, ar condicionado, direção hidráulica, freios ABS e airbags. Porém, outro carro pode ser considerado completo se tiver teto solar, kit multimídia, bancos de couro e retrovisores elétricos.

Veja um exemplo: um Ford Ka completo ainda é um carro bem simples, com travas e vidros elétricos, ar condicionado e direção hidráulica. Já um Fiat Bravo completo, além dos itens já mencionados, inclui freios ABS,  airbag duplo e lateral, volante multifunção, teto solar, retrovisores elétricos, rodas aro 17” e bancos de couro.

Entretanto, do ponto de vista dos consumidores, um carro completo é um veículo que contém todos os opcionais, seja de série ou não – com tudo que a fábrica pode oferecer de melhor.

Itens obrigatórios para um carro completo

Apesar do conceito de carro completo variar de um modelo para outro, o Contran determina alguns equipamentos obrigatórios para todos os veículos novos. Nos últimos anos, essa lista de itens obrigatórios sofreu várias alterações.

Então, conheça alguns itens que foram adicionados recentemente a lista de itens de série obrigatórios:

Freios ABS

Desde 2014, todos os carros novos devem vir de fábrica com freios ABS. Esse sistema de frenagem evita que as rodas travem quando o freio é acionado de forma brusca, impedindo uma derrapagem.

Airbag duplo frontal

Juntos com os freios ABS, o Contran também tornou obrigatório em 2014 que todos os carros novos saíssem de fábrica com airbag duplo frontal, ou seja, para o motorista e para o passageiro.

Isofix

Em 2018 todos os novos modelos de carros do mercado passaram a ser fabricados com um novo padrão de fixação de sistema de retenção infantil, o Isofix.

Esse sistema é composto por ganchos soldados diretamente na carroceria do carro. Além de serem menos suscetíveis a erro, esses ganchos não permitem folgas.

Por isso, ele é mais seguro e pode reduzir o risco de lesões graves em crianças em até 40%, segundo a NHTSA (Administração Nacional de Segurança Rodoviária dos EUA).

Cinto de três pontos

Outra mudança aconteceu em 2020, o cinto de segurança de três pontos passou a ser obrigatório nos carros novos. Segundo a Volvo, criadora deste modelo de cinto de segurança, o dispositivo reduz o risco de morte em acidentes em até 45%.

Encosto de cabeça central

Em 2020 também se tornou obrigatório que os novos carros possuam encosto de cabeça central. Esse dispositivo é muito importante para evitar lesões na cabeça e na coluna dos passageiros em caso de acidentes, pois evita o efeito chicote.

Itens que serão obrigatórios nos próximos anos

Além disso, já foram aprovados outros equipamentos que devem ser de série dos novos veículos nos próximos anos. Veja alguns exemplos:

Controle eletrônico de estabilidade

Todos os carros fabricados a partir de janeiro de 2024 deverão ter um controle eletrônico de estabilidade.

Esse sistema atua junto com o freio para corrigir a trajetória do carro em caso de perda de aderência dos pneus, além de controlar o assistente de partida em subida e a tração. Dessa forma, ele evita que o condutor perca o controle em curvas ou manobras bruscas.

Luz de rodagem diurna

Os veículos fabricados em 2024 também deverão vir de fábrica com luzes de rodagem diurna. Esse dispositivo serve para tornar o carro mais visível para outros usuários da via.

Apesar de ser uma luz fraca, que não ilumina a via, as luzes de rodagem podem reduzir os acidentes em até 12%, segundo a NHTSA.

Alerta de não afivelamento dos cintos de segurança

Segundo a resolução do Contran, a partir de 2024 um carro completo também deverá possuir um alerta de não afivelamento dos cintos de segurança no assento do condutor. Esse alerta deve incluir sinais visuais e sonoros.

Luzes repetidoras laterais

A partir de janeiro de 2024 os novos veículos também deverão contar com luzes repetidoras de sinais das laterais. Basicamente, essas luzes replicam as setas na lateral do carro, aumentando o campo de visão dos demais usuários da via com respeito às manobras que o condutor vai realizar.

Luzes de frenagem de emergência

Ainda em 2024 os novos projetos de carros deverão ter um sistema de luzes de freio de emergência. Diferente da luz de freio comum, essa é pisca quando o freio é acionado de forma brusca.

Regulagem automática de altura dos faróis

No mesmo ano, os carros novos também precisarão possuir regulagem automática de altura dos faróis. Esse sistema detecta a alteração na inclinação da carroceria e compensa a altura do farol, evitando o ofuscamento dos demais condutores.

Proteção contra impacto frontal e lateral

A proteção contra impacto frontal será obrigatória nos carros novos a partir de 2024, enquanto a proteção lateral apenas em 2026.

Sistema de visibilidade traseira

Por fim, também foi aprovado para 2025 que os novos projetos de carro obrigatoriamente contenham com um sistema de visibilidade traseira, seja por sensor ou câmera de ré.

Além desses itens, existem outros que estão em discussão se devem se tornar ou não obrigatórios em um carro completo, como frenagem automática de emergência e alerta de mudança de faixa.

Itens opcionais para um carro completo

Além dos itens de série, um carro completo pode vir de fábrica com alguns itens opcionais. Veja os principais:

Ar condicionado

Apesar de ser um equipamento presente na maioria dos carros, o ar condicionado é opcional. Entretanto, ele também pode ser considerado um item de segurança, já que em dias muito quentes o ar condicionado ele torna a direção mais confortável e permite que você fique com as janelas fechadas em locais perigosos.

Direção hidráulica

A direção hidráulica também não é obrigatória para os veículos, porém é um opcional que faz toda a diferença. E esse sistema faz a direção ficar mais leve, facilitando as manobras.

Rodas de liga leve

As rodas de liga leve também são ótimos opcionais para tornar o carro mais completo. Elas melhoram a estabilidade e aderência do veículo, ao mesmo tempo que torna o carro mais leve.

E para você, o que não pode faltar em um carro completo de bom custo-benefício? Conte para nós nos comentários ou por e-mail!